Skip links

O melhor ofício do Mundo: sermos Mães!

E chegou o mês de Maio, o mês das flores, o mês no qual celebramos o Dia da Mãe. Confesso que desde muito nova sempre gostei muito desta data. Na minha família tínhamos uma tradição: acordar de manhã, bem cedinho, e depois do pequeno almoço fugir de casa com o meu pai para irmos comprar um ramo de flores para a minha mãe.

Era uma criança, e a inocência fazia-me crer, todo os anos, que a minha mãe não suspeitava do nosso plano. Emocionava-me chegar a casa com o ramo escondido atrás das costas e surpreender (achava eu) a minha mãe!

Para mim sempre foi um dia com um significado muito bonito. Com o passar dos anos este dia foi ganhando um significado diferente. Quando nos tornamos adultos entendemos o mundo de uma outra forma. Nem sempre concordamos com as ideias, ou conselhos, que emanam das nossas mães mas apesar de tudo, são sempre elas que estão ali, e por muita discordância que haja o laço é difícil de quebrar.

Agora que sou mãe entendo este dia duma forma ainda mais diferente. Entendo que aquele ritual que eu e o meu pai tínhamos todos os anos era importante sim, mas que aquilo que realmente importa para nós mães, independentemente de sermos presenteadas com ramos de flores, bombons, ou um almoço delicioso, é termos os nossos filhos connosco. É sabermos que eles estão bem, que estamos a deixar uma ‘boa sementeira’ neles.

E este meu texto no dia de hoje está dedicado a todas as mães, que somos muitas mulheres numa só e que temos em nós o maior amor do mundo. A nós, que conhecemos o amor numa perspetiva profunda. Parabéns pela dedicação, pelo esforço, pela entrega, pelo desprendimento, pela luta diária!

E também parabéns a todas aquelas mães, guerreiras, que infelizmente já não têm os seus filhos com elas e que neste dia no qual estão rodeadas da felicidade das outras mães, merecem um abraço de conforto e uma palavra amiga porque elas vivem diariamente a ausência dos seus filhos e essa é a dor mais insuportável que deve existir mas elas continuam fortes e a demonstrarem o porque do dom da maternidade só nos ser concedida a nós, mulheres, as únicas que temos a força, o ímpeto, o caráter e a delicadeza necessária para ter os nossos filhos e segurá-los para sempre!

Feliz Dia das Mães!

 

 

Publicidade

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment